terça-feira, 20 de julho de 2010

Mercado de tourinhos está aquecido, informa Scot Consultoria

O mercado de tourinhos está aquecido, informa Hyberville Neto, médico veterinário, da Scot Consultoria. Ele afirma também que há boa procura por reprodutores e a tendência é de aumento nos negócios nos próximos meses.

Essa movimentação, segundo ele, ocorre devido à movimentação da estação de monta, que começa em outubro e novembro, na maior parte do país.

Os mercados do boi gordo e da reposição firmes, também estimulam o investimento em cria.

Bezerros valorizados são fatores positivos para o criador, por dois motivos principais: com a produção valorizada (bezerros), o criador tem caixa para investir em reprodução, incluindo a compra de reprodutores.

A receita maior, gerada pelo preço da reposição, serve de estímulo ao investimento na atividade.

Este investimento na cria é refletido na participação de fêmeas nos abates. A figura 1 mostra a relação inversa entre esta participação e o preço do boi gordo.


Na figura 2 estão as participações de fêmeas nos abates do primeiro trimestre de cada ano. Tal participação está em queda desde 2006.



A exceção foi Minas Gerais, onde a proporção de fêmeas abatidas aumentou entre  2006 e 2008. Vale destacar que em 2006 foi registrado o pior preço do leite pago ao produtor nos últimos 11 anos. Este aumento de abate pode ter sido decorrente da diminuição de rebanhos leiteiros.

Fonte: Scot Consultoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário